Assentamento e acabamento para revestimentos sofisticados: qual a importância?

Os revestimentos mais sofisticados estão em alta, ajudando a deixar vários ambientes luxuosos e modernos. Mas, de nada adianta investir pesado na compra desses materiais se você não tomar cuidado com a equipe que fará o assentamento e o acabamento.

Geralmente, os porcelanatos, as pastilhas, os cimentícios e outras opções modernas de revestimento são, também, mais sensíveis – o que requer experiência da mão de obra e conhecimento desses materiais, que são fabricados com tecnologia diferenciada.

Arq.-Patricia-Moreno_Foto-@revestiroficial_Brick-Nina-Martinelli-1000x600.jpg
Foto: Revestir Oficial

 

Sem se atentar a esses pontos, você poderá acabar com pisos desnivelados, escadas mal feitas ou pastilhas tortas, por exemplo. Além dos problemas que podem aparecer com o passar dos anos.

Quer entender melhor quais são os principais cuidados e como evitar todos esses problemas? Continue a leitura!

Porcelanatos

De longe, os porcelanatos são os preferidos dos brasileiros. Tanto os tradicionais como os de grandes formatos fazem sucesso em diversos tipos de ambiente.  Porém, eles exigem cuidados no assentamento.

Alguns dos erros mais comuns que podem ser cometidos com esses materiais são:

Nivelamento

É muito importante que, antes do assentamento, a equipe realize o nivelamento do contrapiso e depois analise se todas as peças estão planas e uniformes (caso alguma esteja fora do padrão, é preciso descartá-la).

Ainda é fundamental que o profissional utilize os niveladores de piso, deixando as peças 100% niveladas e fazendo o espaçamento entre elas.

Cálculo errado

Comprar uma quantidade menor do que o necessário é fonte de muitos transtornos, já que materiais de lotes diferentes podem contar com pequenas alterações, por exemplo, na tonalidade.

Além disso, ainda corre-se o risco de determinado porcelanato não ser mais comercializado e aí você terá de lidar com emendas bastante desagradáveis que vão comprometer totalmente o resultado final do trabalho.

Rejuntamento

A junta seca é a mais usada para assentar porcelanatos, dando um acabamento perfeito ao ambiente. Esse tipo de técnica permite deixar as peças mais “juntinhas” reduzindo o espaço de rejunte entre elas.

É a opção ideal para revestir escadas, paredes e vários ambientes, garantindo mais amplitude ao olhar. Porém, é extremamente necessário que a equipe saiba realizar esse tipo de procedimento, para que o resultado final seja realmente agradável e com o uso dos materiais certos.

Pastilhas

As pastilhas cerâmicas e de vidro também são tendências decorativas, deixando as áreas do banheiro, da cozinha, da piscina e até as fachadas muito mais bonitas.

Porém, esse material exige cuidados específicos na hora de serem assentados, garantindo o resultado esperado e valorizando a beleza da peça.

No caso das pastilhas de vidro, é importante utilizar uma argamassa específica e seguir à risca as orientações do fabricante.

Todas as pastilhas vêm coladas em papel, formando placas de diferentes medidas que facilitam a aplicação. Porém, o “segredo” está na junção dessas placas. Se isso for feito de forma indevida, as juntas ficarão aparentes e o resultado não será esteticamente agradável.

Se você estiver usando pastilhas artesanais, que possuem textura e espessuras irregulares, o cuidado com a instalação é ainda mais importante porque senão você correrá o risco de ter peças salientes.

banheiros_decorados_com_pastilhas_02.jpg
Foto: Viver em casa

Deslocamento

Quando o assentamento não é bem feito, além das questões estéticas, com o tempo você terá de lidar com outros problemas, como o deslocamento.

As pastilhas podem se soltar por diversas questões, sendo a infiltração a mais comum. Por isso, é importante que, caso as pastilhas sejam instaladas em áreas úmidas, seja feita, antes, uma impermeabilização da superfície a ser revestida.

Fachadas

Se a ideia é modificar a fachada da casa ou da empresa com as pastilhas, é preciso atenção. Isso porque o assentamento, nesse caso, precisa seguir a NBR 13755.

Outros cuidados são:

  • usar argamassa e rejunte específicos para pastilhas cerâmicas em fachadas;
  • fazer o reboco da parede externa com a utilização em seu traço do cimento pozolânico (PZ);
  • aguardar o período de cura (28 dias) antes de fazer o assentamento das pastilhas;
  • usar argamassa de boa qualidade e indicada para áreas externas para o assentamento das pastilhas.

Cimentícios

Os cimentícios estão cada vez mais modernos e os modelos em 3D têm ganhado destaque nas paredes de áreas internas e externas, deixando os projetos mais modernos e ousados. Já para os pisos, os cimentícios fazem sucesso na área da piscina, decks que recriam a madeira e muitas outras aplicações.

Porém, é claro que a instalação deverá ser feita com o cuidado devido, garantindo que toda essa beleza será mantida.

O mais fácil é o assentamento dos revestimentos cimentícios em placas. Mas, caso as peças sejam menores e individuais, é preciso contar com uma mão de obra experiente.

No caso dos revestimentos mais pesados aplicados em paredes, será preciso que a superfície seja picotada de modo a garantir mais aderência – um trabalho bem técnico e que exige conhecimentos específicos.

Além disso, também é necessário realizar a impermeabilização, garantindo maior durabilidade ao revestimento.

Na área da piscina, por exemplo, é indispensável utilizar os materiais adequados e também ficar atento ao acabamento das bordas, para que a área fique bonita e aconchegante ao uso.

Usos especiais

Além dos usos tradicionais desses revestimentos (como aplicações em paredes e pisos de áreas internas e externas) muitos deles podem ser usados de formas diferenciadas, é o que chamamos de “cortes especiais” ou “serviço de ateliê”.

Por exemplo, os porcelanatos de grandes formatos e os cimentícios podem ser aplicados em bancadas de cozinha ou churrasqueira. Os porcelanatos podem ser usados como revestimentos de escadas ou até para a criação de móveis.

Outra ideia é a aplicação de nichos, principalmente nos banheiros, que podem ser revestidos com pastilhas, porcelanato e várias outras ideias.

Em todos esses usos diferenciados, o acabamento e o assentamento precisam seguir normas específicas de modo a garantir um resultado realmente bonito e durável.

Por isso, se você deseja utilizar na sua obra revestimentos diferenciados, modernos, tecnológicos e de qualidade superior, não tem como deixar de contar com a mão de obra especializada. Afinal, é preciso conhecimento técnico e experiência para lidar com esses materiais, garantindo o resultado final adequado às expectativas do cliente.

Já está convencido da importância de contar com uma mão de obra especializada? Entre em contato conosco e descubra como podemos ajudá-lo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s